Você pode denunciar crimes de PRECONCEITO RELIGIOSO no Rio de Janeiro

Você sofre agressão, perseguição, coação ou qualquer ameaça por motivo religioso?

Denuncie através do site http://www.policiacivil.rj.gov.br na aba "DENÚNCIA"

Não é preciso se identificar!

A Constituição da República Federativa do Brasil determina, em seu Art. 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Seja Cidadão, defendendo seus direitos! Denuncie crimes de preconceito religioso!

Você também é uma vítima da CORRUPÇÃO!
Lembre-se disso nas próximas eleições...

08 janeiro 2012

O Velhinho é CONTRA a descriminalização da maconha!


Por ser contra, por acreditar que usuário de maconha sustenta o trafico de drogas (e não apenas da maconha!), o Velhinho continua a postar as "pequenas" apreensões desse lixo feitas pelos órgãos policiais. Só para se ter uma idéia, EM TONELADAS, do poder "recreativo" e "medicinal" da maconha em nosso país.
Pode demorar alguns dias, talvez, poucas semanas, mas não falha. Quando o uso "recreativo e medicial" da maconha sensibiliza traficantes, eles nem pensam na grana dos usuários que sustenta o narcotráfico, não é mesmo?
07/01/2012 14h59
Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha, no Sul do ES
(Foto: Reprodução/TV Gazeta)
Mais de uma tonelada de maconha foi apreendida na madrugada deste sábado (7), no baú de um caminhão que transitava pela BR-262, em Iúna, região sul do estado. Quatro homens foram presos, sendo que dois faziam o transporte da droga e os outros dois a receberiam no município de Cariacica, de onde era feita a distribuição para o resto do estado.
Segundo o delegado Joel Lyrio, não é a primeira vez que a quadrilha entra com essa quantidade de maconha no estado. "Entraram com uma quantidade parecida em novembro do ano passado. Eles usavam a estratégia da venda de móveis no litoral e traziam a droga dentro do baú. Caso fossem parados, apresentavam a mercadoria para poder passar pelas fronteiras", relatou.
Ainda de acordo com a polícia, a droga passou pelos estados do Paraná, de São Paulo e por Minas Gerais antes de chegar ao Espírito Santo. "No período de verão, a possibilidade de entrada de maior quantidade de droga aumenta. Os criminosos já tinham programado a entrada dessa droga no Natal, mas desistiram e resolveram tentar entrar quando tivesse menos policiamento nas rodovias", ressaltou Lyrio. O delegado informou ainda que duas equipes da polícia estão nas ruas a procura de outras criminosos que também fazem parte da quadrilha.

Nenhum comentário: