Você pode denunciar crimes de PRECONCEITO RELIGIOSO no Rio de Janeiro

Você sofre agressão, perseguição, coação ou qualquer ameaça por motivo religioso?

Denuncie através do site http://www.policiacivil.rj.gov.br na aba "DENÚNCIA"

Não é preciso se identificar!

A Constituição da República Federativa do Brasil determina, em seu Art. 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Seja Cidadão, defendendo seus direitos! Denuncie crimes de preconceito religioso!

Você também é uma vítima da CORRUPÇÃO!
Lembre-se disso nas próximas eleições...

22 maio 2009

Alguém explica onde está o queijo e onde estão os ratos?Primeiro esta matéria:
Banco chinês empresta US$ 10 bilhões para a Petrobras
por FinancialWeb 20/05/2009
Dinheiro foi liberado mediante acordo entre a estatal e o país. Petrolífera já emprestou US$ 30 bilhões em 2009 SÃO PAULO - Mesmo diante da implantação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar mudança em padrões contábeis que seria irregular, a Petrobras fechou nesta terça-feira (19) um financiamento de US$ 10 bilhões com o Banco de Desenvolvimento da China, para pagamento em dez anos. O montante será utilizado para financiar investimentos, o que inclui a compra de bens e serviços de empresas daquele país.

Agora, esta da Folha on line:

Sem caixa, Hugo Chávez busca ajuda do BNDES
FABIANO MAISONNAVE
da Folha de S.Paulo, de Caracas
Com dificuldades de caixa após a queda no preço do petróleo, o presidente venezuelano, Hugo Chávez, está negociando com o BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social) o financiamento de projetos em andamento que contam com a participação de empresas brasileiras. "O BNDES tem uma carteira potencial de projetos com a Venezuela que ascende a US$ 10 bilhões e financiamentos potenciais na escala, por parte do banco, de US$ 4,3 bilhões", disse ontem à Folha o presidente da instituição, Luciano Coutinho, após se reunir com Chávez, em Caracas. A visita é parte dos preparativos para a viagem do presidente venezuelano à Bahia, na terça-feira.

Daí, o Velhinho pergunta: Se o BNDES tem dinheiro para emprestar a outros países, porque não aplicar direto na Petrobrás, ao invés de pedir emprestado para a China? O BNDES não deveria dar prioridade às empresas brasileiras, em solo brasileiro?

Nenhum comentário: