Você pode denunciar crimes de PRECONCEITO RELIGIOSO no Rio de Janeiro

Você sofre agressão, perseguição, coação ou qualquer ameaça por motivo religioso?

Denuncie através do site http://www.policiacivil.rj.gov.br na aba "DENÚNCIA"

Não é preciso se identificar!

A Constituição da República Federativa do Brasil determina, em seu Art. 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Seja Cidadão, defendendo seus direitos! Denuncie crimes de preconceito religioso!

Você também é uma vítima da CORRUPÇÃO!
Lembre-se disso nas próximas eleições...

20 dezembro 2007

Vai se saber, não é?
Entre as "vontades políticas" e o que se deveria fazer, existe uma lacuna enorme, em geral por corrupção, desvio de verbas públicas, negociatas, apadrinhamentos, nepotismo, compadrio e todas essas coisinhas sem importância que causam um rombo entre o que se arrecada e o que se destina para aplicar na contrapartida de serviços prestados pelo Estado. Ah! Não se pode esquecar também a questão da gestão. Nem sempre a verba destinada para uma área é aplicada em sua totalidade, por falta de projetos. Assim, verbas que poderiam ser muito bem aplicadas, por exemplo, ãhn, na Saúde Pública acabam paradas no tesouro, fazendo "caixa".
Governar é mais que palanque e bazófias. É competência.
Da Folha de São Paulo online, Pensata, um artigo de Eliane Catanhêde:
Que país é esse?
Segundo o Banco Mundial, o Brasil é a 10ª maior economia do planeta, com um PIB de US$ 1,585 trilhão, que corresponde a 2,88% das riquezas produzidas no mundo em 2005 e a praticamente metade de tudo o que América do Sul produziu no ano. Parabéns governo FHC! Parabéns governo Lula!
Só que... mesmo assim o Brasil foi o único país do Brics (Brasil, Rússia, Índia e China) que não avançou. E o que mais interessa não é a competição pela economia, mas o que ela assegura para os cidadãos.
O Brasil é a 10ª economia, mas é também o último lugar no ranking dos países com melhor desenvolvimento humano, além de estar entre os últimos em educação (leitura, ciências e matemática).
Ou seja: o Brasil vai bem, mas os brasileiros, nem tanto. O maior problema continua sendo o da distribuição macabra de renda, com uma minoria nadando em dinheiro e a maioria sem educação, sem saúde, muitas vezes sem comida. E todos sem segurança.
Leia a íntegra aqui.

Nenhum comentário: