Você pode denunciar crimes de PRECONCEITO RELIGIOSO no Rio de Janeiro

Você sofre agressão, perseguição, coação ou qualquer ameaça por motivo religioso?

Denuncie através do site http://www.policiacivil.rj.gov.br na aba "DENÚNCIA"

Não é preciso se identificar!

A Constituição da República Federativa do Brasil determina, em seu Art. 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Seja Cidadão, defendendo seus direitos! Denuncie crimes de preconceito religioso!

Você também é uma vítima da CORRUPÇÃO!
Lembre-se disso nas próximas eleições...

10 agosto 2007

Santa ignorância, Batman!
Então, seguindo aquele referencial, se a PF aceitasse a recompensa de US$ 5 milhões (cerca de R$ 9.800.000,00), o Governo Federal, SE quisesse, poderia construir cerca de 261 residências populares.
Na primeira postagem, eram 7.430; na segunda, a depender ainda de julgamento, poderiam ser 1447. Se todas pudessem ser somadas, seriam 9138 residências populares.
Já imaginaram se todas as falcatruas escondidas e/ou não recuperadas pudessem se transformar em residência popular? Se os juízes, ao invés de condenar algumas pessoas ao pagamento de cestas básicas o fizessem com base na construção de uma residência popular? Quantos não deixariam de viver em favelas?
Ah. Mas bolsa-família é "mais mió di bão", né?
A matéria é do G1.
PF diz que não precisa de recompensa por prisão de traficante
Juan Carlos Abadía foi preso na terça-feira (7) pela Polícia Federal.
'Quem fica atrás de dinheiro é mercenário e não a Polícia Federal', diz assessoria da PF.
A Polícia Federal afirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, em Brasília, que não precisa da recompensa de até US$ 5 milhões oferecida pelo governo norte-americano em troca de informações que levassem à prisão do traficante colombiano Juan Carlos Ramirez Abadía.
Leia mais aqui.

Nenhum comentário: