Você pode denunciar crimes de PRECONCEITO RELIGIOSO no Rio de Janeiro

Você sofre agressão, perseguição, coação ou qualquer ameaça por motivo religioso?

Denuncie através do site http://www.policiacivil.rj.gov.br na aba "DENÚNCIA"

Não é preciso se identificar!

A Constituição da República Federativa do Brasil determina, em seu Art. 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Seja Cidadão, defendendo seus direitos! Denuncie crimes de preconceito religioso!

Você também é uma vítima da CORRUPÇÃO!
Lembre-se disso nas próximas eleições...

24 agosto 2007

Parabéns ao diretor da Faculdade de Direito da USP e à Polícia Militar. Enfim, defende-se o Estado Democrático de Direito.
É claro que a base continua sendo o que se entende por democracia. Para o PT, com ceteza para o MST e, pelo jeito, para a UNE, o que temos implantado no Brasil não é democracia, uma vez que o entendimento deles é que "não existe democracia sem socialismo e não existe socialismo sem democracia". Duas tremendas inverdades.
Segue o texto, lúcido, da seção Opinião, do Estadão online de hoje.
OPINIÃO
REAÇÃO EXEMPLAR
A invasão da Faculdade de Direito do Largo São Francisco, novo lance do movimento anunciado há dias pela União Nacional dos Estudantes (UNE), desta vez em parceria com o Movimento dos Sem-Terra (MST), e já iniciado em outros Estados a pretexto de promover uma "Jornada Nacional de Lutas pela Educação", acabou se convertendo num acontecimento exemplar. Em primeiro lugar, por causa da firmeza e rapidez com que a direção da escola tomou as medidas necessárias para desocupá-la. E, em segundo lugar, pelo desmentido flagrante dos invasores, que insistiram em se apresentar perante a opinião pública como vítimas de agressão policial. A desocupação não resultou em qualquer "baixa" entre os invasores. Não houve nenhum ferido.
Leia a íntegra aqui.

Nenhum comentário: